you're reading...
Brasil, Esportes, Música, Mundo

Que estranho chamar-se Federico !

Mais um gênio sai de cena em 2016. Desta vez o cineasta italiano Ettore Scola, de 84 anos, nos deixou no último dia 19. Scola produziu alguns dos melhores filmes do belíssimo cinema italiano e dirigiu gente do porte de Mastroianni, Vittorio Gassman, Sophia Loren, Ornella Muti e Massimo Troisi. Seu último filme “Que estranho chamar-se Federico”, um nostálgico documentário sobre Fellini, foi exibido no festival de Veneza em 2013, provocando cenas de lágrimas na plateia emocionada. Ao ser questionado sobre as emoções provocadas, Scola respondeu:
“- Lamentamos quando se vai alguém que nada conseguiu realizar, mas lamentar Federico que teve uma vida completa?”
Três filmes de Scola eu recomendo aos que realmente apreciam a sétima arte (se você acha que Stalone merece um oscar, por favor não assista as dicas):
O Baile, um filme sem diálogos que conta a história da França desde a década de 30 até os anos 80. A história se desenrola em um salão de dança e seus frequentadores traçando a evolução do país, passando pela ocupação nazista até o aparecimento do rock’n roll.
Em concorrência desleal é narrada a história, no ano de 1938, de dois comerciantes de roupas que ocupam a mesma rua. Um é católico e vende roupas sob medida e o outro é judeu e vende produtos a preços mais baixos. Os dois são rivais até que tem-se o inicio do antissemitismo na Itália, o que causa uma mudança na concorrência.
O terceiro é na minha modesta opinião um dos melhores filmes que já assisti. A viagem do capitão tornado conta a história do barão de Signonac, último e faminto herdeiro de uma família que deixa o castelo de seus ancestrais para seguir uma trupe de artistas mambembes, a caminho da corte do rei Luiz XV (confesso que não recordo se é realmente o 15). O filme á passado no ano de 1774 e Signonac enfrentará, durante a viagem, seus maiores desafios: emboscadas, sequestros, duelos e amores o transformarão em um verdadeiro Barão de Signonac. O rapaz vence sua timidez e inicia-se no teatro descobrindo ali sua verdadeira paixão. Um filme nota mil para um gênio do cinema que deixará muitas saudades.


O ex-presidente Lula afirmou em um programa que não existe ninguém mais honesto do que ele. As reações nas redes sociais foram imediatas. Não sei porque tanta tempestade no copo d’água. Se o leitor parar um pouco para pensar, descobrirá que sob um certo ponto de vista ele esta com toda razão.


Os franceses bobalhões do Charlie Hebdo voltaram a ser notícias. Desta vez algum imbecil teve a brilhante ideia de satirizar o garoto sírio encontrado morto em uma praia da Turquia no ano passado. No título da charge lê-se: “No que teria se transformado o pequeno Alan se tivesse crescido?”. A resposta é dada ao final do desenho tosco com os dizeres: “Apalpador de bundas na Alemanha”. A brincadeira de péssimo gosto refere-se a quantidade de agressões sexuais registradas durante o ano novo naquele país, segundo as quais a maioria dos agressores seriam refugiados. Já havia comentado sobre um assunto semelhante durante o assassinato de vários chargistas em janeiro do ano passado. Existe um limite entre arte (e humor) e o respeito. Se eu tenho consciência de que meu vizinho é um doido varrido que guarda armas em casa com certeza não vou sacanear o mesmo, ou tampouco o provocar. Desta vez passa-se de qualquer limite ao fazer uma piada de mau gosto com a morte de um inocente menino que deveria estar fugindo das atrocidades de malucos, junto com sua família, em busca de uma vida mais tranquila. Da primeira vez não fui Charlie, como muitos bobalhões entraram nas campanhas em redes sociais, embora abomine o terrorismo. Desta vez enojo-me destes cidadãos ridículos que apelam para a desgraça humana para aparecerem em jornais de todo o mundo e causarem polêmica. Gostaria de saber suas reações se fosse algum filho dos redatores.


A Juventus voltou a vencer na velha bota e de quebra ainda classificou-se para a semifinal da copa da Itália. Desta vez as vítimas foram as equipes da capital romana. Pela copa da Itália a velha senhora derrotou a Lazio, em Roma e fará a semifinal da competição contra a Internazionale. Pelo campeonato italiano a atual tetracampeã bateu a Roma em casa pelo mesmo placar obtido na capital. O jogo parece exorcizar o péssimo começo de campeonato, quando a equipe de Turim somou um ponto em três jogos. A Juventus emplaca onze vitórias seguidas no campeonato e na próxima rodada enfrentará o modesto Chievo na cidade de Verona. Quem parece estar perdendo forças é a Inter, que desta vez voltou a decepcionar sua torcida em plena Milão ao levar um gol no último minuto de um cidadão chamado “Lasagna” (é isso mesmo..) e empatar com o Carpi, um dos times que está na zona de rebaixamento. Com o empate, outro dentro de casa contra equipes chamadas pequenas, o time da Inter que há pouco tempo atrás era o líder do campeonato, cai para a quarta colocação (ultrapassada pela Fiorentina) e ainda vê o primeiro colocado, Napoli, colocar seis pontos de vantagem. Pelo andar da carruagem parece que o scudetto será disputado palmo a palmo entre a Juventus e o Napoli. As equipes farão o confronto direto no próximo dia 14 de fevereiro em jogo valido pela vigésima quinta rodada. Resta saber em que rodada a equipe de Turim perderá algum ponto, já que com 11 vitórias seguidas, a velha senhora está a uma de equiparar a temporada de 2012/2013 e a duas de estabelecer um novo recorde. Será que o trem bianconero irá atropelar mais um adversário ?


Depois de uma disputa envolvendo 5.678 clubes, a final da copinha acontece amanhã ás 10 horas entre Corinthians e Flamengo no Pacaembu. O timão é favoritíssimo para a taça, pois parece que a turma lá realmente se importa com a copinha. Não é a toa que o clube pode conquistar seu décimo título, já tendo chegado a incrível marca de 17 finais. Apenas espero que independente de quem levante a taça, não vejamos os tradicionais marginais de torcidas organizadas arrumando confusão e brigas no estádio. Aliás que horário para se fazer uma final heim ? Dez da manhã em plano verão ! Pior do que isso foi o amistoso entre o time principal do Flamengo e o Santa Cruz. O jogo foi realizado ás 11 da manhã, na capital pernambucana em pleno verão nordestino. É jogo de futebol ou ganha quem conseguir terminar o jogo sem nenhum atleta infartado ?


Natalie Cole, David Bowie, Shaolin, Alan Rickman e agora Scola. Será que falta muito para 2016 acabar? Enquanto isso em Brasília………….


TROFÉU VAI TOMAR UM UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU
Para as autoridades de saúde. Depois da dengue a zika está fazendo um estrago em nosso país. Será que vamos perder uma batalha para uma merda de um mosquito ?

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Idiomas

Últimos Artigos

%d blogueiros gostam disto: