you're reading...
Brasil, Esportes, Política, Tecnologia

CBF: Zé das Medalhas, a missão.



Enganam-se aqueles que acham que Ricardo Teixeira realmente deixou o comando da CBF por motivos de saúde. O todo poderoso passou simplesmente 23 anos de sua vida no topo da entidade máxima do futebol no Brasil e faltando apenas dois anos para o seu final apoteótico, a copa do mundo no país, ele se retira assim. No mínimo é uma situação muito estranha, pois em caso de doença realmente o mandatário ficaria até o último instante, que viesse a sucumbir da doença, ficasse impossibilitado de locomoção ou de alguma coisa parecida. Algumas pessoas comentam nos bastidores que pressões do governo Dilma foi o responsável pela saída do chefe.


O que mais me chamou a atenção no caso do africano Muamba foi o comportamento da torcida inglesa. A reação do público foi de arrepiar. Até torcedores da equipe rival, o Totteham, choravam copiosamente frente as câmeras que filmavam o evento. O respeito e a educação não fazem mal a ninguém. Os ingleses demonstraram tudo isso de sobra, independente de rivalidade. É bom lembrarmos aqui que no ano passado quando o técnico Ricardo Gomes sofreu um AVC, um bando de imbecis com a camisa do Flamengo (não ouso os chamá-los de torcedores) gritavam: – Uhhh vai morrer. Que o jogador consiga sair desta situação com vida e com saúde.


A tal da lei da copa continua em espera para a votação. É uma irresponsabilidade se as cervejas forem liberadas para o consumo. Imaginem os holligans bêbados digladiando-se nas saídas dos estádios com os barrabrabas argentinos entre outras personalidades agradáveis. O consumo de álcool tem que ser proibido sim e não tem essa de favorecer empresas. O problema é que a copa é no Brasil e aqui já sabemos como tudo funciona.


E não é que Adriano e o Corinthians anunciaram a separação. O craque que agora é sondado pelo Flamengo, se encontra em Búzios descansando. Se por acaso a presidenta Patrícia Amorim for mesmo em busca do rapaz é preciso que avisem a ela que o Imperador não necessita apenas de carinho, paciência e um bom regime. O primeiro ele encontrou em sua primeira passagem pelo Mengo, quando o clube voltou a ser campeão Brasileiro depois de longos anos de espera. O segundo e o terceiro a diretoria do Timão deu nada mais do que doze meses e o jogador não respondeu de forma positiva. É fundamental que um psicólogo faça um acompanhamento com o complicado artilheiro, caso contrário a novela se repetirá no horário da tarde em “É uma pena ver de novo”.


A Juventus está na final da copa da Itália. A equipe biaconera foi derrotada no tempo normal pelo Milan, em plena Turin, pelo mesmo placar que havia vencido o primeiro confronto em Milão. E na prorrogação um golaço do sérvio Vucinic provocou o empate levando a velha senhora a sua primeira final desde o rebaixamento. Desde então o time mais popular da velha bota tem colecionado fracassos e péssimas colocações nos campeonatos italianos. O técnico Antonio Conte, novo no cenário, parece ter devolvido a confiança a equipe, implantado uma nova filosofia. Para o bem do futebol, parece, que a velha Juve esta de volta.


Depois da façanha perpetrada pelo Flamengo em pleno engenhão, de tomar três gols em treze minutos (só não tomou a virada porque o goleiro Paulo Vitor espalmou uma cabeçada), passei a refletir sobre os técnicos brasileiros. No caso de Joel, o comandante e poliglota rubro negro fez uma substituição, ainda quando o Mengo vencia por 3 a 0, em que Negueba entrou no lugar do jovem Thomas. O rei dos campeonatos estaduais não parece querer se reciclar e tentar algo mais grandioso. Falo apenas em Joel, para não citar outros nomes que já não são tão novos e no entanto suas carreiras parecem não decolar. A lista é grande e em contrapartida parece que só existem três nomes de destaque no cenário nacional. O Profexó, Felipão e Muricy, dentre os quais dois estão bem desatualizados e que ganham destaque além do normal. Na Europa vemos nomes novos surgirem a cada dia, para citar como exemplo Antonio Conte que até alguns anos atrás era o camisa oito da velha senhora ou até mesmo Guardiola do Barça. Do jeito que a situação se encaminha daqui a pouco teremos o caso do time paraibano Perilima, no qual o camisa dez era também o técnico do timaço.


No último dia 18 de março um acontecimento histórico para os adoradores da informática. O browser Google chrome ultrapassou o índice de utilização o Internet Explorer. De acordo com o site statcounter apesar do fenômeno ter acontecido apenas em um único dia, isso demostra que o todo poderoso browser da microsoft vem perdendo espaço entre os usuários. Se compararmos o mês de março do último ano com o mesmo período em 2012, o Googlechrome subiu de 17% para 31% enquanto o IE caiu de 45% para 35%.


O ex-todo poderoso chefão da FIFA, João Havelange continua internado em um hospital na cidade do Rio de Janeiro e sem previsão de alta. Segundo os boletins médicos divulgados a situação do paciente não é boa, sobretudo pela avançada idade.


TROFÉU VAI TOMAR UM UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

O deputado do PT de São Paulo, José Mentor, quer proibir a transmissão das lutas de MMA nas televisões. Só faltava essa, voltarmos a época da censura.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Idiomas

Últimos Artigos

%d blogueiros gostam disto: